Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação

Cabrália Paulista, sexta-feira, 15 de outubro de 2021 Telefone (14) 3285-1244

Atendimento Atendimento: De Segunda a Sexta das 8:00 às 17:00.

Sext
15/10
32 °C
21 °C
Índice UV
12.0
Sáb
16/10
27 °C
23 °C
Índice UV
12.0
Domi
17/10
26 °C
19 °C
Índice UV
12.0
Segu
18/10
26 °C
17 °C
Índice UV
12.0

Administração - Sexta-feira, 28 de Maio de 2021

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

Em três meses de gestão, Alemão paga quase R$ 900 mil em dívidas.

Até o início do ano, prefeitura sofria restrição de créditos por causas de dívidas assumidas e não pagas.


Em três meses de gestão, Alemão paga quase R$ 900 mil em dívidas.

Assim que assumiu a prefeitura de Cabrália Paulista, em janeiro deste ano, o atual prefeito Odemil Ortiz de Camargo, mais conhecido como “Alemão do Leite”, se deparou com uma situação financeira caótica.  Folha de pagamento atrasada, fornecedores resistindo em vender para a prefeitura devido a inadimplência, quadro de pessoal desmotivado, veículos e a cidade em péssimas condições.

Em pouco mais de três meses, Alemão do Leite com seu jeito simples de administrar e com o lema de “gastar menos do que se arrecada” conseguiu reabilitar as finanças do município.

Em 2020 foram contabilizados em “restos a pagar” o valor de R$ 871.463,21. Restos a pagar são despesas orçamentárias empenhadas pela Administração Pública na vigência do exercício financeiro corrente e que não foram pagas até 31 de dezembro deste mesmo exercício.

Logo no primeiro mês de mandato, o prefeito Alemão do Leite conseguiu pagar mais de 80% da dívida deixada pela gestão anterior.  Foram pagos R$ 700.479,90 somente no mês de janeiro.  Já em fevereiro foram pagos mais R$ 111.842,97.  Em março, ou seja, em apenas três meses o prefeito conseguiu quitar toda a dívida restante no valor de R$ 59.140,34 e com isso, trouxe credibilidade a prefeitura perante seus fornecedores e também nos salários dos funcionários.

“Gostaria de ter aplicado todo esse dinheiro em melhorias na saúde, educação e também na infra estrutura, mas não tivemos outra escolha, precisamos recuperar a credibilidade da prefeitura com nossos fornecedores.” Explicou o prefeito Alemão.

Em outubro de 2019, um grupo de servidores procuraram a imprensa para reclamar da falta de produtos de higiene e limpeza, materiais de saúde e até do tradicional cafezinho nas repartições. A prefeitura confirma que reduziu a quantidade de itens comprados em razão das dificuldades financeiras.

Segundo os funcionários na época, relataram que departamentos do município estavam sem produtos como papel higiênico, material de limpeza, copos plásticos, pó de café e açúcar. Na Saúde, eles afirmaram que faltaram fitas de glicemia. Os servidores afirmaram que o problema ocorria porque os fornecedores estariam sem receber desde abril.

O prefeito da época José Madrigal Ruda Filho (PTB), o Zequinha Madrigal, alegou que o município estava enfrentando situação financeira difícil e que o café foi o único item cortado.

Avaliação do prefeito:

“Já conseguimos fazer muito até aqui, mas óbvio que não conseguimos fazer tudo o que queríamos. Iniciamos a gestão trabalhando na reorganização do setor da saúde, possibilitando a redução do quadro de contratos e consequentemente economia, início das atividades do ultrassom conforme matéria da semana passada. Realizamos a Limpeza e manutenção urbana e manutenção das estradas rurais, atenção com podas e jardinagem. Manutenção da frota e a conquista de um ônibus escolar grande. Implementamos o sistema informatizado na gestão que deveria estar implantado desde 2017 na administração. Tentando solucionar a maioria ou todos os inúmeros apontamentos feitos e reiterados pelo tribunal de contas do estado de São Paulo para a gestão anterior, evitando que soframos alguma sanção ou penalidade através de multa. Trocamos toda a estrutura e telhado da Secretaria Municipal de Educação / Escola que sofria com infiltrações nas chuvas.  Regularizamos o estoque de medicamentos, vale ressaltar a dificuldade enfrentada neste período.  Aliás, ressalto que alguns fornecedores não estão realizando cotação ou entregando medicamentos ou produtos hospitalares devido as constantes altas e falta de matéria prima no mercado, mesmo após terem ganho a licitação.  Calculamos que economizamos algo em torno de R$ 600 mil, graças a implantação das compras por pregão eletrônico, essa economia contribuiu para que colocasse em dia as finanças.” Concluiu o prefeito

https://pcnoticias.com.br/em-tres-meses-de-gestao-alemao-paga-quase-r-900-mil-em-dividas/ 

FacebookTwitterWhatsAppImprimir

Voltar para a listagem de notícias

Novo Tempo

CALENDÁRIO DE EVENTOS

ACOMPANHE-NOS

UNIDADES FISCAIS

Fique por dentro dos índices - ver todas

UFM - 2021

R$ 3,55

Prefeitura Municipal de Cabrália Paulista - SP.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.